Site do PokerStars
Encarando 3-Bets no Cash Game 6-Max
O nosso objetivo ao defender o nosso range de uma 3-bet é encontrar o equilíbrio perfeito entre prevenir o Vilão de lucrar fazendo uma 3-bet com uma mão fraca e evitar ficar tão convicto que os ranges de valor puro ganhem muito dinheiro contra nós. De fato, estamos assumindo que um regular desconhecido está formando seu range de 3-bet com uma boa mistura de mãos fortes e fracas. Não vou me referir a oponentes recreativos novamente durante essa parte da série. É suficiente dizer por enquanto que esses jogadores fazem 3-bets com um range muito mais tight do que o normal e por isso devemos favorecer mãos com potencial para o nuts com mais implied odds ao pagar, como cartas do mesmo naipe e pares, evitando a categoria dominada de AJo, a menos que o preço oferecido seja irresistível.

Defesa meio a meio

Dependendo do jogo, devemos tentar defender nosso range de abertura de uma 3-bet algo entre 40% e 55% das vezes. Nos limites micro mais baixos, respeitaremos os ranges de 3-bet dos oponentes mais ABC que provavelmente encontraremos e permaneceremos mais próximos da frequência de defesa de 40%. Essa é também uma boa frequência de defesa para os jogos ao vivo de $1-$2 e $2-$5, que rolam muito tight em relação aos ranges de 3-bet. Subindo as apostas e encontrando Vilões que aplicam mais pressão, e alavancam mais fold equity, será sensato estar mais perto da frequência de 55%. O truque para jogar com um ótimo range balanceado contra uma 3-bet está em duas coisas, precisamos de uma consciência de range e de consciência situacional.

Consciência de Range

A capacidade de entender onde está seu range de abertura é um pouco como se sentir no escuro procurando por um interruptor de luz - isso terá mais sucesso se você conhecer o ambiente ao seu redor. Um exercício útil de preparação para enfrentar as 3-bets é mapear os seus ranges de abertura de cada posição e contar quantas combinações cada um inclui. Em seguida, escolha uma frequência de defesa com base na agressividade dos seus jogos em relação a 3-bet e multiplique seus combos iniciais por essa porcentagem; esse é o número total de combinações das quais você deve procurar se defender contra um regular mediano no conjunto de jogadores. O próximo passo é preparar quais combos você utilizará para atender essa frequência de defesa e dividi-los em 4-bets de valor, pagamentos no meio e algumas 4-bets por blefe para balancear. Os blefes devem ser mãos que não são fortes o suficiente para pagar, mas têm potencial suficiente para acertar algo no flop de tempos em tempos, caso o Vilão dê um flat call em nossa 4-bet. No geral, nossa estratégia de defesa pode ser definida da seguinte maneira:



Essa estratégia pode ser definida como uma abordagem polarizada para se defender contra a 3-bet e é de longe a forma mais padrão de lidar com a situação. Observe que diminuímos nosso range de 4-bet por blefe sempre que consideramos o Vilão muito louco para desistir para uma 4-bet ou muito tight para ter aberto uma mão não premium.

Consciência Situacional

Seguir os gráficos cegamente não é a maneira de vencer os jogos de poker. É essencial que, embora dependamos de gráficos para nos familiarizarmos com as ideias básicas por trás de nossa estratégia de defesa, também estamos alertas e capazes de ajustar com quais mãos nos defendemos de uma 3-bet com base nos fatores únicos presentes de situação para situação. Pegue as seguintes circunstâncias únicas como exemplo:
  • Se a 3-bet do nosso oponente for muito pequena e melhorar nossas pot odds significativamente, precisamos ampliar nosso range de defesa, favorecendo especialmente as mãos com implied odds mais altas, como pares pequenos, conectores naipados e gappers.
  • Fora de posição, vamos querer usar no lado mais tight de uma frequência de defesa, afrouxando um pouco estando em posição.
  • Se os tamanhos dos stacks forem mais profundos, as mãos com potencial de nuts, como pares, e cartas naipadas e/ou conectadas subirão de valor. As cartas altas não naipadas diminuirão em valor.
  • Em stacks curtos, favorece defender mãos que muitas vezes podem fazer um par forte e atolar de forma rentável pós-flop.

Um exemplo - BU vs Blinds

Quando abrimos do BU, esperamos que uma grande variedade de mãos sejam roubos lucrativo devido à combinação de fold equity pré-flop e vantagem posicional pós-flop. Isso significa que abrimos com um grande número de mãos e que precisaremos defender um conjunto bastante grande de mãos para atender nossos requisitos de defesa. A maioria dos oponentes, mesmo nos limites mais baixos online, farão um trabalho razoável de aplicar pressão ao nosso range de abertura nessa situação, estando bem ciente de que geralmente abrange algo como 600-800 combinações (um range em torno de 40-60%).

Se abrirmos para 2.5bbs padrão e o Vilão fizer de 9-10bbs a partir de um dos blinds, reagiremos da seguinte maneira padrão: as mãos Verdes são 4-bets de valor, as mãos azuis escuras são para pagar e as mãos vermelhas são 4-bets por blefe. As mãos azuis claras são para desistir para uma 3-bet e qualquer coisa fora disso não nem para abrir com aumento.
 


Nosso range de 4-bet de valor aqui talvez seja mais tight do que você pode imaginar. Temos que ser muito cuidadosos ao garantir que entendemos a diferença entre mãos que estão à frente do range médio de 3-bet do Vilão e mãos que estão à frente do range do Vilão para a 3-bet e para continuar contra uma 4-bet. Como vimos, quando analisamos as apostas por valor, a descrição anterior é insuficiente para eleger uma mão como uma aposta por valor, mas a última é exatamente o que é necessário. Enquanto esperamos que uma mão como AQs ou JJ esteja confortavelmente à frente do range de 3-bet do Vilão, temos que reconhecer que muitos jogadores reagem às 4-bets indo all-in ou desistindo (é muito mais fácil jogar assim) e então, se, depois que essas mãos encararem um all-in, elas se sentem um pouco desconfortáveis em comprometer todo o stack, antes de tudo elas são muito fracas para uma 4-bet por valor.

Nossas mãos que pagam aqui são formadas por uma mistura de cartas altas não naipadas que fazem top pair no flop frequentemente, cartas médias naipadas versáteis, pares médios e algumas mãos menores como 66 e 87s que valem mais pelas implied odds. O objetivo com essas defesas não é necessariamente ganhar dinheiro na mão, mas fazer algo melhor do que desistir, o que nos custa 2.5bbs por mão. Vimos esse conceito em ação na Parte 5 sobre pagar aummentos de abertura, particularmente quando examinamos nossas pot odds lucrativas no big blind. É justo dizer que algumas das mãos em azul na figura acima são apenas ligeiramente melhores para pagar do que para desistir com níveis de habilidade pós-flop iguais.

Por fim, a faixa vermelha de 4-bet por blefe favorece os blockers. O Vilão muitas vezes vai tenrar ir de all-in após uma 4-bet e nos negar a realização da nossa equidade quando tiver o topo do seu range. Portanto, segurar um Ás ou um Rei é fundamental para aumentar a nossa fold equity e reduzir a frequência de shove do Vilão, removendo algumas das combinações de AA, KK e AK do baralho. Tudo o mais sendo igual A5s fará uma 4-bet por blefe com EV mais alto que Q9s e assim escolhemos combos como A5s que combinam boa remoção e jogabilidade pós-flop no caso de sermos pagos.

Conclusão

Muitos jogadores se sentem desconfortáveis quando sobem para os jogos onde há muito mais 3-bets acontecendo. Como vimos, a preparação ávida e a consciência situacional formam a chave para se acostumar com esse novo ambiente. Nós não temos que nos tornar agressivos para combater os jogadores ativos que aplicam 3-bets; nós só precisamos de uma sólida estratégia pré-preparada para a batalha, e o estado de alerta para modificá-la à medida que pegamos mais leituras sobre os oponentes.

X Informações de Cookies

Nós colocamos cookies no seu computador para melhorar a sua experiência no nosso website. Você pode alterar as suas configurações de cookies a qualquer momento. Caso contrário, entendemos que você esteja de acordo em continuar.