ola,

Todo jogador, assim que aprende a mecânica basica do jogo ( Ranking de mãos, posição, blinds etc ) e vai por em pratica, tem a tendência de sub-valorizar a força das suas mãos.

Conforme vai ficando mais experiente, com mais rodagem, percebe que muitas vezes o seu top pair ou 2 pares medios são suficientes para puxar a maioria dos potes ( apesar de serem respectivamente apenas a 9ª e 8ª mãos do ranking ).

Meu maior foco no momento é justamente esta sintonia fina entre o NIT e o TAG, este último na minha opinião, o melhor estilo para se jogar. Fugir de situações onde os blinds começam a te engolir ou não "sentar nas fichas" quando estiver com uma stack confortavel.

Muintas vezes, apesar da visível evolução, ainda me pego jogando passivamente ou então quando descido " soltar o braço " sou pago por quem realmente tem jogo ( isso certamente devido a essa imagem tight que passo as vezes ) e acabo comprometendo meu torneio.

Essa transição de iniciante super tigh, que é como a maioria começa a jogar, para um estilo mais solto ( sempre com base na observação de como a ação esta se desenvolvendo na mesa ) deve ocorrer o mais breve possível, para que, a partir daí, comecemos o nos considerar jogadores de poker, e não de cartas.

abs a todos