Jogando Pedidas – Parte 2

PokerStarsSchool | há 1 mês em Poker Basics

Na Parte 1, definimos o semiblefe e conversamos sobre os prós e os contras de jogar pedidas agressivamente. Também abordamos a importância de utilizar uma estratégia equilibrada para ser passivo versus ser agressivo com pedidas. Na parte 2, falaremos sobre outras coisas a considerar quando escolhemos nossa linha.

Uma coisa a considerar é se nossa mão realmente tem uma chance de vencer no showdown sem melhorar. O poder do semiblefe é alavancar a fold equity para fazer mãos melhores largarem, enquanto ainda existe a equidade de acertar a sua pedida se não largarem. Fazer um oponente desistir é ótimo quando temos, uma pedida de flush até oito. Algo como 8♥7♥ em um flop K♥3♥2♠. Você não pode esperar ganhar um confronto com um 8 alto. E se, ao invés disso, o flop fosse K♥3♥8♠? Agora, temos um flush draw e um par de 8, e esse par às vezes ganhará no showdown sem precisar melhorar. Quando temos algum valor de showdown diretamente (como um par ou um ás alto no heads-up), podemos escolher jogar nossa pedida mais passivamente para fazer com que essas mãos cheguem ao showdown mais baratas, principalmente contra um oponente agressivo.

E isso nos leva a linhas exploradoras contra vários tipos de oponentes. Se estivéssemos em um pote contra um jogador muito forte que está utilizando estratégias equilibradas, o ideal é ter algumas pedidas em nosso range para pagar e outras para aumentar de forma equilibrada conforme discutido na Parte 1. É essencial contra um jogador forte, saber que quando a pedida for completada, podemos ganhar… independentemente se jogamos a street anterior de forma agressiva ou passiva.

E quanto aos jogadores que podemos nos desviar dessa estratégia equilibrada para explorar?

Vamos falar sobre algumas categorias gerais agora. Quando faço isso, sei por experiência que alguns leitores consideram essas categorizações muito rígidas, não aplicáveis a uma ampla variedade de oponentes, etc. É claro que o “tight-passive” é uma generalização e pode haver uma variedade de jogadores que se enquadram nessa categoria geral que fazem coisas de maneira diferente no jogo. Lembre-se, essas são simplesmente categorizações gerais, você sempre desejará se ajustar a oponentes específicos de uma maneira que faça sentido para explorar especificamente seus leaks! Com isso dito, vamos nos aprofundar e ver como podemos ajustar nosso jogo com uma pedida contra alguns tipos gerais de jogadores:

Tight-Passive

Jogadores tight/passive são ótimos alvos para um semiblefe! Eles desistem demais, falham em aumentar e nos tirar de nossas pedidas, mesmo quando têm uma mão muito forte. Além disso, devido à sua natureza “assustada” do estilo de jogo em geral, eles são os tipos com menor probabilidade de nos pagar quando completamos a nossa mão. Portanto, faz pouco sentido jogar pedidas passivamente contra esses oponentes. O componente “blefe” dos nossos semiblefes é grande, faz sentido utilizá-lo a nosso favor e explorá-lo.

Loose-Passive

Jogadores loose/passive são alvos ruins de semiblefe. O problema é que nosso componente “blefe” é muito menor do que o normal aqui. Especialmente contra os mais notórios jogadores loose-passive, aqueles que pagam sempre. Eles chamam de pagar light…o que, coincidentemente, é uma estratégia eficaz contra jogadores que blefam demais! Então, não blefe contra eles. No entanto, não é de todo ruim não tentarmos semiblefes com pedidas contra eles. Para iniciantes, suas tendências passivas nos levarão a receber mais cartas grátis para acertar nossas pedidas. Quando erramos, geralmente devemos desistir e quando pegamos cartas grátis ou baratas e chegamos lá, esse é o tipo de jogador com maior probabilidade de nos pagar, mesmo para grandes apostas. Contra tipos de jogadores loose-passive, faz sentido jogarmos nossas pedidas de forma mais passiva, pegar as cartas grátis que eles oferecem e apostar por valor quando acertamos a mão.

Loose-Aggressive

Esse tipo de oponente contribui para um objetivo decente de semiblefe. Eles estão jogando ranges mais amplos, o que significa um range geral mais fraco com mais mãos fracas, tornando-os mais vulneráveis à agressão. Esse tipo de jogador é talvez o mais provável de aumentar e nos afastar das pedidas (ou tentar fazer isso), portanto, é apropriado misturar algumas linhas de cartas passivas/grátis com nossas pedidas. Em particular, nossas pedidas que têm algum valor de showdown, como um par ou um ás alto, fazem muito sentido colocar nesse balde. Nossos inimigos loose-aggressive podem ser inspirados a blefar com mais frequência contra linhas de aparência “fraca” para que essas mãos possam servir muito bem como pegadoras de blefe, enquanto também garante realizarmos a equidade da nossa pedida com um monstro.

Tight-Aggressive

Esses jogadores também são bons alvos de semiblefe. Eles também são mais propensos a nos pagar devido ao preço que o pote está oferecendo quando não desistem para o nosso blefe, mas melhoramos para a melhor mão. Além disso, esse é o tipo de jogador que provavelmente estará nos colocando em um range, portanto, é essencial ter uma abordagem equilibrada e simplesmente pagar com algumas pedidas do nosso range e aumentar com outras. Por exemplo, digamos que o flop seja K♦4♥5♥. Podemos optar por aumentar com uma mão como 8♦6♦. Essa é uma das pedidas mais fracas que temos nesse bordo, um gutshot e back door flush draw sem overcards. Como a equidade de nossa mão é bastante fraca, podemos precisar do componente “blefe” de um semiblefe para reforçar nossa capacidade de continuar lucrativamente. E, se sofrermos um aumento, temos uma desistência fácil. Por outro lado, se tivermos uma pedida com 7♥6♥ no mesmo flop, nossa mão será tão forte com uma pedida de duas pontas de straight flush que resistiremos a um aumento e podemos até apostar todo o nosso stack, já que agora temos muita equidade. Se eles desistirem para o nosso aumento, ótimo, levamos com 7 alto e, se eles aumentarem, podemos aumentar novamente e colocar todo o dinheiro no meio da mesa. Se implementarmos essa estratégia contra nossos oponentes do TAG, teremos alguma aparência equilíbrio do nosso range que nos tornará mais difíceis de enfrentar.

Em resumo, ao considerar como prosseguir com uma pedida, não fique cego para apenas pagar, pagar, pagar ou aumentar, aumentar, aumentar…pense em como maximizar valor e explorar seus oponentes. Quanto mais fold equity estiver presente, mais você ganhará ao usá-la. Quanto maior a probabilidade de um jogador pagar muito, mais atraente é tornar a pedida mais barata. Qualquer linha que explore os erros favoritos de um oponente aumenta o valor a longo prazo de suas mãos com pedidas!

Contra qual tipo de jogador você se dá melhor jogando pedidas? Comente abaixo.


Comente e participe da discussão sobre este e outros artigos no nosso Canal do Discord.

Carregando Comentários

Loading more content...